quinta-feira, março 14, 2002

A Luz Fantástica - Discworld

"Grande A'Tuin, a tartaruga estelar, tem a carapaça coberta de metano congelado, marcada por crateras meteóricas e areada com poeira asteroidal. Grande A'Tuin possui olhos como oceanos antigos e seu cérebro tem o tamanho de um continente, pelo qual os pensamentos se movem como pequenas geleiras luminosas. Grande A'tuin, das enormes, vagarosas e tristes patas e do casco polido pelas estrelas, avança na noite galáctica sob o peso do Disco. Grande como os mundos. Velha como o Tempo. Paciente como uma rocha.
(...) Grande A'Tuin, na realidade, está se divertindo à beça.
Trata-se da única criatura em todo o universo que sabe exatamente aonde vai."

A Luz FantásticaRincewind, o mago que não é mago (?), ataca novamente em A Luz Fantástica, segundo livro da série Discworld criado pelo inglês Terry Pratchett e que está sendo editado aqui no Brasil pela Conrad.

No final de A Cor da Magia, Rincewind, DuasFlor e a Bagagem, caíram pela borda do mundo. – Hein? Borda do Mundo? – Isso mesmo! Estamos falando de Discworld, o mundo plano em forma de disco que está apoiado no lombo de quatro elefantes gigantes, que, por sua vez, sustem-se sobre a carapaça de uma enorme tartaruga. Lembrou?

Bem! Como eu ia dizendo, depois que resvalou pela borda, Rincewind caiu de volta no Disco. Isto aconteceu devido a um “pequeno” reajuste na realidade feito pelo Oitavo, o livro de magia que contém os oito feitiços mais poderosos, ou continha, já que o oitavo feitiço está alojado em algum recanto escuro e sombrio da mente de Rincewind (lembra do único feitiço que ele sabia?).

Enquanto Rincewind e DuasFlor tentam entender o que havia acontecido, na Universidade Invisível, os chefes das oito ordens de magos fazem uma descoberta terrível. Uma antiga profecia está preste a se concretizar. Se os oito feitiços do Oitavo não forem ditos até o Reveillon, o Disco será destruído.

A partir daí, magos de todo o Discworld partem em uma caçada pela cabeça de Rincewind.

E não posso deixar de ressaltar que o Morte rouba a cena novamente nesse livro. Afinal de contas, ele é o Morte, um dos quatro Cavaleiros do Aprocralipse. Mas enquanto o Dia do Juízo Final não chega, ele aguarda pacientemente no além jogando um carteado com seus companheiros Peste, Fome e Guerra.

Terry Pratchett consegue se superar. Se A Cor Da Magia é bom, A Luz Fantástica é muito melhor. A leitura é leve e fluente e a história, empolgante, fazendo com que você só queira parar quando chegar à última página. É impossível ler este livro sem dar várias risadas e até mesmo algumas gargalhadas. Por isso, aqui vai um conselho: Não o leia em lugares públicos!

Aqueles que não leram A Cor da Magia podem ler A Luz Fantástica sem problema algum, já que o autor retoma os pontos importantes para a compreensão da história. Claro que você aproveitará muito mais este segundo livro se tiver lido o primeiro.

Então longa vida ao Rincewind... e também ao Morte, se é que isso é possível!

DADOS TÉCNICOS

A Luz Fantástica
Terry Pratchett
Editora Conrad
227 páginas
Compre Aqui


SÉRIE DISCWORLD

domingo, março 03, 2002

Dragon Ball Zica - Capítulo 9

O Céu Ainda Não Pode Esperar

Por Galford

Eitcha, como demorou essa continuação de DBZica! Não desanime pessoal, a zoeira não acabou, tivemos probleminhas técnicos, mas estamos na luta. Goku e cia. não vão se livrar tão fácil de mim, enquanto houver Galford, haverá DBZica, eu tenho a força. Pelos poderes do Sucrilhos. Quanta palhaçada, vamos logo ao que interessa...


No capitulo anterior, Céu finalmente consegue atingir a perfeição, a moça ficou um a-rra-so, ui, e agora não preciso mais fazer aqueles cálculos bestas nos nomes dos andróides, Yes!! Kurinlinxo se desespera porque Céu traçou a mina dele e o ataca ferozmente, e o final vocês já sabem, Kurinlixo nada faz e se quebra todo com apenas um golpe. Esse cara é tão útil quanto uma geladeira no Pólo sul. Thanks lhe dá um viagra dos deuses para raiva de todos nós anti-kurilinxo, enquanto Dijita tenta atacar em vão Céu e não consegue lhe fazer nem cócegas.

No templo, Gohanta finalmente conseguiu virar Super saiajeans. Dijita vai a nocaute, Thanks aumenta seus poderes e pede para Kurilinxo levar Dijita dali. Ele finge que vai, mas lhe bate um espírito do Pitbitoca, ele fica admirado vendo dois machos sarados e suados lutando tão selvagens, é a glória pra ele. Thanks percebe a viadagem e o despacha com um belo pé na bunda.


Começa o episódio nostalgia. Thanks começa a ter recordações do futuro detonado pelos andróides (lembranças do futuro é meio estranho, não?) e Céu lembra quando ainda era uma lesma e digivoluiu para uma mosca de padaria, depois pra uma grilo falante e finalmente na mala que é hoje. Thanks começa a fase balão inflável, e fica vários episódios inchando sem fim, só que ficando cada vez mais lento. Então Céu fica só brincando de você não me pega. Algumas porradas depois, Céu resolve fazer um torneio para convidar todas pessoas a levar porrada dele. Todos guerreiros zica querem participar, por isso vão treinar. Até o andróide punk 4x4 quer participar e vai à Corporação Pílula pra fazer uma revisão, já que havia chegado na quilometragem necessária.

Baixa um santo pedreiro em Céu e ele constrói uma arena de pedras para a luta, com direito a até enfeites, a moça é toda detalhista e é incrível que fez tudo sem nenhum superfaturamento no orçamento como o Maluf faz. Depois vai para tv pra anunciar seu torneio, no começo todos pensam que é alguma pegadinha, mas ele avisa que se ninguém vencê-lo será o fim do mundo. A terra vira um caos, todos querem fugir da cidade, parece até cena de filme catrastofe americano. Pior que Céu quer destruir o mundo, e todos fogem da cidade como se fosse adiantar alguma coisa, é muito idiota, né? É o mesmo que o cara falar que vai destruir bairro, e você sair correndo da sua casa e se esconder no vizinho, bah.

Todo mundo fica louco pra treinar na sala do templo, estranho que ninguém lembrou de lá na fase do Dijita ou na do Freezer, vai entender. Finalmente Goânus e Gohanta saem da sala e ainda como supersaiajeans. Ambos trocam de roupa, Gohanta pede uma roupa igual de Picolé e baixa um santo alfaiate no homem chuchu e com um simples movimento faz uma roupa, até Clodovil ficou surpreso. Goânus se teleporta até Céu e fala pra ele não matar mais ninguém até começar o torneio senão ele não brinca mais. E começa uma fase enrolação, haja saco, até infância do Gohanta a gente tem que agüentar.

Picolé sai da sala de treinamento. Dijita diz que ele não mudou droga nenhuma, Picolé nada diz enquanto leva escondido consigo um saco cheio de revista pornográfica. Dijita entra na sala, fala sério, até parece que alguém consegue ficar um ano treinando sozinho num lugar sem tv, rádio, mulher e nem nada. Pessoal da casa dos artistas fica no máximo 45 dias e tão ficando todos retardados. Goânus tem a idéia de trazer Azeite de Dendê pra recriar as bolas do dragão (e fazer companhia ao solitário e carente Meupipinoseupopo). Muitas enrolações depois, ele faz tudo isso. Enfim, todos terminam seus treinamentos e quando está prestes a começar o torneio surge a mala mestre de DBZica, sim, ele mesmo, Sr. Satango.

NO PRÓXIMO CAPÍTULO

Olá, eu sou o Sr. Satango, o homem mais forte e mais mala do mundo, fui criado para dar mais enrolações ainda ao anime, e ainda tem gente que gosta de mim. Hahaha, tem doido pra tudo. Até a próxima meus fãs.

ENTREM NA COMUNIDADE DE DRAGON BALL ZICA NO ORKUT