terça-feira, fevereiro 27, 2007

Cine Pocket

Abismo do Medo

Um acidente faz com que 6 amigas fiquem presas em uma caverna. Elas buscam outro meio de sair, mas são perseguidas por estranhas criaturas que habitam a escuridão. [AdoroCinema]
Esse filme me chamou atenção pelo cartaz que achei bem bolado, mas pensei ser mais uma bobagem de terror adolescente. Mas ainda bem que me enganei, é um filme que te deixa tenso, você realmente fica tenso como o pessoal da caverna e que garantes bons sustos.
Mas confesso que boiei no final e segundo o site
Adorocinema, a versão gringa é mais light em termos de violência, bah, americanos bundões.

Click

Em busca de um controle remoto universal, um homem recebe de um vendedor excêntrico um controle que permite que ele avance no tempo de sua vida. [AdoroCinema]
Convenhamos, Adam Sandler é um sujeito bacana, mesmo que ele sempre faça o mesmo papel em todos os filmes, sempre garante umas risadas. Click tem piadas bem sacadas, momentos sádicos que gostaríamos de fazer, uma esposa dos sonhos chamada Kate Beckinsal e um bom ritmo e ainda consegue ser emocionante. Garantia de risos.

A Dama na Água

Um homem solitário encontra uma jovem que vive escondida sob a piscina de seu prédio, descobrindo que ela é um ser com poderes e que está sendo perseguida. [AdoroCinema]
Apesar de ser um filme muito criticado (75% de críticas descerebradas) é mais um ótim
o filme do M. Night Shyamalan, muitas bestas vão no cinema assistir um filme só porque está escrito do mesmo diretor de Sinais, Sexto Sentido e blá blá, aí essas topeiras que não leem sinopses do filme antes de assistir pensa que vão encontrar mais Ets e fantasmas, aí não vê nada disso e sai latindo uns montes de asneiras sobre o filme.
O filme é baseado numa história de ninar que
M. Night Shyamalan criou, bom, já dá pra sacar o que o estilo do filme vai ser outro. É um filme pra emocionar, ser uma fantasia, tem atuações bacanas (Paul Giamatti pra variar mandando bem), um ritmo suave (legal as formas que se encontra os "personagens do filme"), enrendo simples (história ninar, como pode uma besta dizer que é complicado entender), uma alfinetada bem humorada contra os críticos de cinema, uma música envolvente e boas mensagens (Qualquer um tem sua função no mundo).
Assista e deixe se cativar.


Miami Vice

Dois detetives são chamados para uma operação secreta que tem por objetivo desmascarar um dos principais traficantes dos Estados Unidos. [AdoroCinema]
Sinceramente não lembro direito da série Miami Vice, por isso analisando como um filme policial ele é um porre. Se você assiste esperando algo parecido com
Máquina Mortífera vai cair do cavalo, filme praticamente não tem ação, as poucas cenas de ação são sonolentas e de resto o filme é uma salada de clichê, bobagem.


O Pequenino


Um anão que é um ladrão de jóias é confundido por um casal, que decide adotá-lo como sendo um bebê. [AdoroCinema]
Bom, você já tem que entender que filme dos irmãos
Wayans são sem noção, com muitas piadas maliciosas, então não é pra qualquer gosto. Até gosto do estilo quando tem piadas bem sacadas, Todo mundo em Pânico acho muito comédia, mas As Branquelas já acho um porre. O Pequenino é um filme médio, começa bem e desanda no final, é interessante o efeito especial que coloca o rosto do ator Marlon Wayans no corpo do 'anão'.

Rocky Balboa


Uma simulação de computador faz com que Rocky retorne aos ringues, para enfrentar o campeão mundial dos pesos pesados. [AdoroCinema]
Vou pular parte do 'blá blá o filme é um paralelo com a carreira de Sylvester Stallone'. Pra encurtar o papo, eu não gosto de boxe (nada contra quem goste), eu sei que a história da série é sempre a mesma e também sei quem vai ser o vitorioso no final. Logo a suposição óbvia é: Eu odeio Rocky, certo? Errado, eu adoro Rocky com todos seus clichês e falhas, sua trilha sonora imortal obrigatória para treinar, acho que só eu e o meu amigo Morpheus gostamos do Rocky V, ainda fico vibrando com as lutas e um dia ainda quero pagar mico de subir aquelas escadarias e ficar vibrando.
Rocky Balboa
não chega a ser o melhor da série, mas mesmo assim é um bom filme e fecha a saga com chave de ouro. Filme tem um ritmo lento, vários flashbacks dos filmes anteriores, várias deixas pra uma Balboa mais triste soltar umas lições de moral, momentos cômicos, uma luta emocionante e um final do tipo "Aponte o dedo pra Balboa e diga: Você é o cara". Hehe
Sai de lá pensando: Poxa, pena que é o último.

E sim, é uma resenha suspeita de um fã e vou entender se você ficar emocionado quando ouvir a música tema.


Viagem Maldita


Uma família parte para uma viagem pela Califórnia. Quando estão em um trecho desolado do deserto o carro deles quebra, o que faz com que descubram que estão cercados por um clã sedento por sangue. [AdoroCinema]
Peguei a capa do dvd, olhei o título e pensei ser mais um terror adolescente (não tenha esse pensamento sempre, é só coincidência,hehe), resolvi arriscar, logo me toquei que era uma refilmagem de
Quadrilha de Sádicos, um filme bem bacana sobre canibais.
Viagem Maldita
lembra Albergue, ele joga um pouco de tensão, faz você soltar vários PQPs e por fim te deixa sádico. Acho que nunca vibrei de forma tão sádica quando vi a 'curta porém putz' cena da girada da picareta.

Marcadores: , , , , ,

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home